Google apresenta 8 mulheres por trás de aplicativos famosos

Você sabia que há grandes aplicativos desenvolvidos por mulheres? Talvez você tenha alguns deles instalados no seu smartphone e nem sabia que ele foi desenvolvido por alguma empreendedora que conseguiu enxergar nos dispositivos móveis uma forma de ajudar pessoas.

Em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, o Google revelou a história de oito mulheres que são responsáveis por alguns dos  apps favoritos do Google Play, entre elas a brasileira Nara Iachan criadora do app Cuponeria, que oferece descontos em várias lojas.

Ela resolveu criar um app para cupons de desconto ao reparar que o mercado brasileiro estava muito atrasado neste tipo de produto. Ela pesquisou muito e conseguiu criar o Cuponeria que é hoje um dos maiores apps de cupons do país.

“É preciso testar vários caminhos e ir aprendendo com os erros. Algumas dicas são estudar o mercado, saber o que já existe e o que está faltando, ter clareza sobre as expectativas do público e investigar soluções parecidas fora do país, disse ela.
Nara é a única brasileira na lista, mas as histórias das outras sete mulheres são bem interessantes e merecem sua atenção.

Nara Iachan e Ida Tin são as criadoras dos apps Cuponeria e Clue, respectivamente

Entre elas a história da empreendedora dinamarquesa Ida Tin, criadora do app Clue famoso no mundo todo por acompanhar o ciclo menstrual, servindo como apoio para métodos contraceptivos e ajudar a mulher a conhecer melhor o seu corpo.

“No início, o maior obstáculo foi mostrar o valor e a relevância de um app de saúde feminina no setor tecnológico, dominado pelos homens”, diz Tin. A empreendedora defende a ideia do planejamento familiar e ensina a mulher a conhecer seu ciclo, para que possa utilizar métodos contraceptivos quando estiver ovulando, caso não queira engravidar.

A tentantes, mulheres que querem engravidar, também podem utilizar este aplicativo para saber quando é o melhor dia para ter relação. No Google Play são mais de 10 milhões de usuários do app Clue.

Confira outras histórias

Deixe um comentário