“Eu precisei me amar”, relata Preta Gil sobre aceitar o próprio corpo

A cantora Preta Gil compartilhou no Instagram uma foto de biquini que tem gerado muitos comentários pelo ensinamento de autoconfiança. Preta sofreu por muitos anos com o peso, até que resolveu se aceitar como é e se amar mesmo não estando dentro dos padrões estabelecidos.

Mas até chegar nesse nível de aceitação, ela precisou sofrer muito, passar por procedimentos estéticos e cirúrgicos para emagrecer e tentar ser alguém que ela, por sua estrutura corporal, jamais seria.

“Saibam que chegar no nível de amadurecimento e aceitação que cheguei não foi fácil”, confessou a cantora que sofreu muito preconceito por estar acima do peso.

“Fomos massacradas por uma ditadura que nos dizia que era feio mostrar isso, era feio não ter o corpo magro, e tantas outras imposições. Eu mesma caí nessa armadilha tão cruel, eu também tentei ser quem eu não era e paguei um preço alto”, completou.

Hoje, aos 43 anos, Preta Gil é sinônimo de aceitação, empoderamento e amor próprio! Ela posta fotos de biquini, não usa aplicativos de edição de imagem e sempre aconselha suas seguidoras a tomarem coragem de se assumirem como são e se amarem como estão.

“Mas depois de 43 anos e de uma vida muito bem vivida, com muitas superações, muitas lutas e muito amor, eu consegui me libertar e ser eu mesma, e digo a vocês o quão libertador é se amar e se aceitar como nós somos!”

Preta aproveitou os comentários de suas seguidoras para estimular a autoconfiança entre elas. “Não tenham vergonha de si própria, não se comparem aos outros, cada mulher tem sua própria beleza, se amem!”, escreveu. “Eu não precisei de coragem pra ser quem eu sou, eu precisei me amar!”

https://www.instagram.com/p/Bf6AZTFBi5N/

Deixe um comentário